Como funciona o clareamento dental? Descubra agora!

20 de março de 2019

Odonto

É grande o número de pessoas que desejam ter dentes mais brancos, porém, nem todas elas sabem como funciona o clareamento dental. Logo, é interessante entender essa técnica para realizar o tratamento de forma consciente e sem riscos.

Por isso, preparamos este artigo para apresentar as indicações e contraindicações do método, falar sobre a técnica caseira e de consultório, a importância do acompanhamento de um profissional, os efeitos colaterais e a durabilidade do procedimento. Continue lendo e aprenda tudo o que você precisa saber sobre clareamento dental.

Indicações do clareamento dental

Entender como funciona o clareamento dental não é complicado. O método consiste na remoção de moléculas que promovem a pigmentação excessiva do esmalte dentário, já que essa estrutura é porosa e, com passar do tempo, acumula resíduos, como pigmentos de bebidas e alimentos, que provocam a alteração de cor.

O dentista faz a aplicação de produtos, como o peróxido de hidrogênio, que reagem com essas moléculas e as tornam solúveis em água. Assim, são eliminadas de forma natural e os dentes ficam clareados.

Essa técnica é indicada para quem tem dentes manchados, amarelados ou escurecidos em função do consumo de alimentos pigmentados, do uso de tabaco e do envelhecimento natural. Mas também há contraindicações, que são para:

  • gestantes e lactantes;
  • pacientes com problemas periodontais;
  • quem tem doenças bucais;
  • caso de sensibilidade dentinária;
  • presença de exposição radicular;
  • pessoas com sensibilidade ao produto clareador.

Coroas, blocos, próteses e restaurações não são clareados. Portanto, haverá diferença de tonalidade, sendo preciso trocar a peça para que ela fique em harmonia com os dentes naturais.

Técnica caseira e de consultório

O clareamento feito no consultório e o caseiro promovem excelentes resultados, mas existe uma diferença entre eles. Quando o tratamento é feito em clínicas, o profissional pode usar luzes LED ou laser para estimular a ação do clareador.

Ele utiliza produtos para proteger as gengivas e evitar a sensibilidade, além de aplicar o gel e a luz. Os resultados são mais rápidos, e cerca de três sessões, com intervalos de uma semana, são suficientes para clarear os dentes.

A técnica caseira também usa gel, mas ele é aplicado com uma moldeira. O paciente se encarrega de colocar o produto no dispositivo e encaixá-lo na arcada dentária. Deve permanecer assim por algumas horas, segundo recomendação do especialista.

Embora seja necessário um tempo maior, os dentes serão clareados e a técnica é segura, mas depende do comprometimento do indivíduo em fazer o tratamento corretamente para não desencadear efeitos negativos.

A importância de recorrer a um profissional

É muito comum que pessoas desejosas em alcançar resultados rápidos com um investimento menor procurem métodos alternativos para fazer o clareamento dos dentes. No entanto, é importante ter cuidado com essas técnicas caseiras, porque elas podem desencadear diversos tipos de problemas, como:

  • queimaduras;
  • intoxicação;
  • manchas no esmalte dentário;
  • feridas na boca;
  • inflamação das mucosas bucais;
  • desmineralização do esmalte;
  • sensibilidade.

O ideal é procurar um especialista e pedir orientação sobre o que pode ser feito para valorizar a estética do sorriso. Assim, ele indicará métodos seguros e personalizados, para que você alcance bons resultados sem comprometer a estrutura dos seus dentes ou a sua saúde bucal e orgânica.

Efeitos colaterais e durabilidade do clareamento dental

O principal efeito colateral do clareamento dental é a sensibilidade. No entanto, fazendo a aplicação do gel protetor, essa complicação é minimizada pelo profissional. Quanto à durabilidade do procedimento, ela gira em torno de 2 anos e, depois, ele precisa ser repetido.

Pode haver variação desse período em função do cuidado para manter os resultados. Se as recomendações do especialista forem seguidas, o prazo pode ser prolongado, mas, com higiene precária e consumo excessivo de bebidas e alimentos pigmentados, será necessário repetir o clareamento em menos tempo.

Agora que você entendeu como funciona o clareamento dental e os riscos de não consultar um especialista, evite adotar técnicas e receitas caseiras. Na Odontto Clínica, você encontra profissionais especializados que oferecem atendimento personalizado, respeitando as suas características para que você conquiste com segurança o sorriso que tanto deseja.

Quer ter dentes brancos e saudáveis? Entre em contato conosco e saiba mais sobre o clareamento e outros procedimentos para valorizar seu sorriso!


  • Compartilhar: